CRISE NÃO AFETA MERCADO IMOBILIÁRIO DE ALTO PADRÃO

O mercado imobiliário de alto padrão representa uma exceção à regra neste momento em que o país começa a sentir os efeitos da crise econômica. De acordo com o índice FipeZap de fevereiro, imóveis acima de R$ 2 milhões continuarão com a procura alta. Confiante neste cenário, a CX Construções investe nos empreendimentos classe A em Mato Grosso, estado que mais cresce em número de pessoas de alto poder aquisitivo na última década.
“Iniciamos nossas atividades há seis anos no estado e desde 2012 apostamos nesse nicho trabalhando para atender essa clientela”, observa Daniel Moreno, diretor do grupo, depositando a credibilidade da marca em investimentos em tecnologia, projetos altamente sustentáveis, atendimento e imóveis personalizados com acabamentos impecáveis, fatores que renderam à empresa neste início de ano o selo ISO 9001.
Ainda em 2015, a CX Construções entrega o Forest Hill, projeto de alto padrão, para quem deseja exclusividade, bom gosto e conforto. “Viver no Forest Hill será como fazer parte de um clube muito seleto, com todo o privilégio de um empreendimento único, feito para poucos”, define Moreno.
Os empreendimentos de alto padrão da CX são construídos em áreas de 11 mil metros quadrados, praticamente o dobro dos convencionais, o que permite área de lazer e de convivência diferenciadas e apartamentos com mais de 400 metros quadrados, padrão que proporciona muito mais qualidade de vida às famílias.

Outros projetos residenciais de alto padrão estão em andamento, como o Sky View Paiaguás e o Sky View Américas. Já o The Point Smart Business, é um empreendimento comercial de alto padrão criado para atender ao estilo de vida dos grandes centros urbanos e que traz para Cuiabá um novo conceito de prédio comercial ao reunir escritórios, academia de ginástica, praça de alimentação, lojas e um boulevard de serviços.
“Todo nosso planejamento futuro está atrelado a este tipo de obra: imóveis de alta qualidade tanto residenciais como comerciais”, conclui Daniel Moreno.