Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2015

CHEGA DE TEMPO PERDIDO! COMO VOCÊ PODE APROVEITAR OS PLANTÕES DE VENDA?

Se quando você pensa em plantões de vendas, tudo o que você lembra é de “tarde perdida”, está na hora de mudar essa ideia. Mais do que um compromisso com a empresa que você trabalha, esse momento deve ser principalmente para captar compradores e também de aprendizado. Como? 1) Use o tempo no plantão para atualizar-se. É muito importante o contato com outros corretores e imobiliárias . Procure saber o que está em alta, quais tipos de imóveis mais tem compradores e quais são as estratégias que mais resultam em vendas. Aproveite para estudar sobre o empreendimento que está vendendo. O corretor tem que saber todos os detalhes e conhecer a fundo o produto. 2) Conheça possíveis clientes Muita gente que passa pelos plantões não está realmente comprando um imóvel e isso acaba desanimando muitos corretores. A frase “só vim dar uma olhadinha no decorado” te soa familiar? Pois é. Mas não deixe de se dedicar a esse visitante, pois ele conversa com outras pessoas e depende do v

CORRETOR DE IMÓVEIS – ACERTE EM CHEIO EM 2015

As previsões para o novo ano são bem otimistas, portanto, é hora de planejar e fazer as melhores escolhas. Segundo especialistas do mercado imobiliário , a expectativa é que o volume de transações aumente em 2015. O desejo por comprar imóveis continua na cabeça do consumidor, por isso é importante que o corretor de imóveis esteja preparado para identificar o lugar certo, a hora certa e destacar-se no mercado. Para ter um direcionamento assertivo é fundamental contar com o auxílio de ferramentas que potencializem a venda de imóveis. No  Corretor da Vez  – uma plataforma completa e gratuita para corretores – o acesso aos estoques das melhores incorporadoras do país é garantido sem burocracias. O profissional sai na frente, ao falar diretamente com quem está por dentro das informações detalhadas dos empreendimentos e ainda dispõe de facilidades para fechar parcerias com corretores de todo país. Acompanhando as tendências do mercado imobiliário para o ano de 2015, o  Corretor da Vez 

WHATSAPP, FUNDAMENTAL AO CORRETOR DE IMÓVEIS

Hoje, após alguns anos de lançado o aplicativo Whatsapp, a ferramenta se tornou primordial na rotina dos profissionais do mercado imobiliário . É uma excelente forma para contatar clientes e colegas de profissão. Em Brasília, existem diversos grupos formados para facilitar parcerias, divulgar imóveis, demandas de clientes, o que proporciona fechamento de negócios mais rápido. Essa ferramenta traz mais alguns benefícios: Para o cliente – muitos preferem entrar em contato diretamente pelo WhatsApp (quando anunciado) e tiram suas dúvidas ali mesmo; solicitam fotos e outras informações que podem não constar na publicidade. Isso evita muitos desencontros e informações truncadas que, as vezes, normalmente via telefone, são transmitidas e/ou entendidas de forma confusa e, em outros casos, até esquecidas. Para o Corretor de imóveis – além de facilitar muito o contato com cada cliente, as informações de cada imóvel, endereço, dia e horário de visitas ficam registrados entre as mensage

APROVADAS ALTERAÇÕES PARA PROFISSÃO DE CORRETOR DE IMÓVEIS

Na última terça-feira (20/1), foi sancionada a Lei 13.097/2015, que trata da regulamentação da profissão de corretor de imóveis , disciplinando ainda o funcionamento dos órgãos do segmento e sua fiscalização. A referida lei altera o artigo 6º da Lei nº 6.530/1978. A alteração representa grande avanço para o mercado de imóveis no Brasil, uma vez que cria a figura do corretor associado, dando mais clareza e segurança jurídica à atividade. Além disso, cria condições para que tanto as imobiliárias quanto corretores e consumidores possam se beneficiar de maior transparência e competitividade. A Câmara Brasileira de Comércio de Bens e Serviços Imobiliários (CBCSI) apoia a iniciativa e teve oportunidade de apresentar suas considerações ao longo da tramitação. A entidade entende que o ajuste da legislação gera benefícios para os profissionais da área, já que amplia as possibilidades de atuação dos corretores e imobiliárias.

MERCADO IMOBILIÁRIO 2015: CRISE OU OPORTUNIDADE.

O ano de 2015 se mostra desafiador para o mercado imobiliário que já vinha desacelerando e começamos o ano com aumento de juros e diversas outras medidas para frear o mercado e a inflação por subsequente, o desafio maior é enxergar a oportunidade na crise. Neste momento devemos analisar primeiramente nosso planejamento e objetivos pessoais, que devem se adequar também as realidades do mercado local, ou seja, tivemos um grande aumento dos juros para financiamento no SBPE e caso seu principal foco de trabalho seja este segmento de produto cabe a você buscar uma quantidade maior de clientes para validar e garantir o mesmo ritmo de produção do ano passado. Um segundo ponto é entender como estas mudanças e alterações no mercado estão afetando seus principais clientes, busque sempre a opinião deles sobre as mudanças do mercado e oriente eles em relação a divergência entre suas opiniões e a realidade do mercado, sendo que na realidade esta queda de produção das construtoras e uma baixa

COMO PROCEDER AO REGISTRO DE BENS IMÓVEIS ADQUIRIDOS POR HERANÇA

Muitas pessoas ficam confusas sobre como proceder ao registro de bens imóveis adquiridos por herança. Isto porque existem exigências legais de documentos necessários ao registro e muitas pessoas não sabem quais documentos devem ser apresentados. Este texto tentará, de forma resumida, explicar como proceder ao registro de bens imóveis adquiridos por herança. Antes de tudo, precisa-se destacar que para efetuar o registro no cartório de registro de imóveis, será necessário apresentar o título aquisitivo do imóvel , que no caso das sucessões, poderá ser o formal de partilha (inventário judicial), escritura pública de inventário (inventário administrativo) ou sentença homologatória que defere o pedido de adjudicação, no caso de herdeiro único. Caso os herdeiros já tenham o título aquisitivo do imóvel, basta protocolá-lo no cartório de registro de imóveis da circunscrição onde está situado o imóvel, apresentando Certidão Negativa de Débitos expedida pela Prefeitura Municipal certifican

A SIMPLIFICAÇÃO DOS PROCEDIMENTOS RELATIVOS À DOCUMENTAÇÃO IMOBILIÁRIA

A tramitação do Projeto de Conversão da Medida Provisória nº. 656/2014 e a simplificação dos procedimentos relativos à documentação imobiliária Conforme já se teve a oportunidade de colocar no artigo “Documentação imobiliária e a medida provisória nº 656/2014: possibilidade de maior segurança às transações imobiliárias“, foi editada, no dia 08/10/2014, uma Medida Provisória (MP nº. 656) com o fito de reduzir drasticamente a assimetria e dispersão das informações relativas aos imóveis e partes envolvidas numa negociação imobiliária ( proprietários , notadamente) -, encampando o “princípio da concentração de todos os dados nas matrículas dos imóveis” junto aos Cartórios de Registro de Imóveis . Ocorre que, em que pese estar provisoriamente em vigor, a MP nº. 656/2014 deveria ter sido convertida em Lei já no início do mês de Dezembro para que seus preceitos continuassem valendo indefinidamente, o que ainda não aconteceu, razão pela qual ela teve sua vigência prorrogada uma última ve

COMO GARANTIR SEUS DIREITOS NA LOCAÇÃO DE IMÓVEIS COMERCIAIS

É comum, por exemplo, que o novo inquilino faça uma reforma no imóvel tendo em vista que precisará adequá-lo à atividade que ali irá desenvolver e porque normalmente nele pretende permanecer por um período razoável Por isso, o empresário inquilino precisa de garantias de que o contrato de locação será cumprido até o final. Para isso, é essencial que o locatário faça constar uma cláusula de vigência no contrato de locação e depois registre o contrato no cartório de Registro de Imóveis competente, o que irá assegurar que, em caso de venda, terceiros tenham conhecimento do contrato e saibam que terão que respeitá-lo. Isso também assegura que o locatário possa exercer o direito de preferência na hora da venda. É esse registro que garantirá ao locatário a prioridade na compra do imóvel, mediante ao mesmo valor e condições que foram oferecidas por um terceiro. Vale ressaltar ainda que a legislação exige que o contrato tenha sido registrado em até 30 dias antes da venda do imóvel. Como n

CORRETOR DE IMÓVEIS: SEJA ATENCIOSO!

Imagem
Pelo título deste texto, o tema está bem objetivo. Vou explicar as consequências dessa postura através de três atitudes que aumentarão as vendas dos profissionais do mercado imobiliário , que no dia a dia são atentos às necessidades dos clientes . Um grande diferencial. O motivo para ser tão cuidadoso é a conquista da simpatia, pela qual abre as portas para que o atendimento aconteça de modo verdadeiramente prestativo, gentil. Então, em primeiro lugar para ser atencioso é necessário uma organização da sua agenda. Jamais chegar atrasado as reuniões de visitas aos imóveis. Nunca mesmo. Esquecer tal tipo de compromisso, por exemplo, desgasta seu marketing pessoal e aumenta bastante as chances de cancelamento da venda. Isto não pode acontecer, pois a impressão que fica é de negligência. Assim, sua desatenção quanto a falta de pontualidade é algo que evidencia desinteresse. Repito, nunca deixe acontecer. Com antecedência, desloque-se até o local combinado.

TIREI O CRECI, E AGORA? POR ONDE COMEÇAR?

Para a entidade, para captar clientes , no começo é necessário se valer do rol de conhecidos Se você é iniciante na profissão de corretor de imóveis e acabou de obter o Creci, pode estar em dúvida sobre começar sua carreira em uma imobiliária ou construtora. Para José Augusto Viana Neto, presidente do Creci-SP, em ambos os casos é necessário ter o mínimo de experiência para atuar. “Nas imobiliárias há vantagem de ter outros corretores que podem auxiliá-lo, de conhecer outros pontos de vista, ter outras pessoas contribuindo para a análise dos negócios, dando dicas e sugestões e também é possível compartilhar ideias”, analisa. Nas construtoras, por sua vez, há divisão em plantões com um ou dois corretores e isso pode ser uma dificuldade para quem está começando, por não ter o suporte de uma grande equipe, mas a remuneração costuma ser maior do que na imobiliária. “É um trabalho mais solitário, mas com oportunidades de ganhos maiores”, avisa.