ENTENDA O USO DOS TERMOS USADOS NO MERCADO IMOBILIÁRIO

Sempre quando entramos em um novo ramo profissional, temos que nos acostumar com acontecimentos do dia a dia, como a rotina e o modo de agir desses profissionais, para se enquadrar melhor nesse meio e fazer parte de tudo o que acontece. No mercado imobiliário, quando um corretor jovem começa a trabalhar, tudo é muito novo, devendo se adaptar para que sua carreira possa dar uma boa guinada e que assim se torne longa e saudável.
Claro que não é uma regra falar e agir como todos os corretores agem, mas é muito bom ter uma grande ideia de como isso é feito para que o trabalho seja mais facilitado e não acabar ficando para trás. Acostumar e aprender os termos utilizados pelos corretores de imóveis, muito importantes para a conversação entre eles, é o primeiro passo do sucesso. É algo que o profissional acaba aprendendo com o tempo só de ter que passar todos os dias nesse meio de trabalho. Baseado nisso preparamos esse texto para lhe mostrar quais são os termos mais usados pelos corretores de imóveis.

Conheça as siglas e termos
O mercado imobiliário é cheio de siglas e termos que facilitam a comunicação dos corretores, como V.G.V que nada mais é do que a soma das unidades de um imóvel e significa Valor Geral de Venda. Outra sigla é o I.N.C.C. que significa Índice Nacional de Custo da Construção que é o que corrige as parcelas de um imóvel que está em construção.
R.I. é mais uma sigla que compões o mercado imobiliário que significa Registro de Incorporação que faz com que um condomínio possa ser comercializado, sem ele a construtora nada pode fazer.
I.T.B.I é o imposto sobre transações de bens imóveis, ele é um tributo municipal que ocorre na hora da assinatura do contrato e ele varia de cidade a cidade.
Os termos mais utilizados são Memorial Descritivo, Imóvel pronto e habite-se. O memorial descritivo é simples, ele descreve os equipamentos e materiais que serão utilizados na construção do imóvel específico. Imóvel Pronto é quando esse imóvel não pertence mais a construtora que estava vendendo e sim a uma pessoa física. O Habite-se é muito importante, pois é um comprovante de que o imóvel em questão foi construído seguindo as normas e exigências que estão presentes no R.I que mencionamos acima.
Para você usar no cotidiano
No cotidiano do mundo imobiliário, os corretores usam alguns termos que pessoas de fora da profissão não fazem ideia do que seja. Como “Pirata” que é o momento antes do lançamento de um imóvel. A maioria dos corretores acredita que é o melhor momento para se fazer vedas.
Outro termo bastante usado no mercado imobiliário é o “Fifty” que significa uma venda que foi dividida. Acontece em casos que o cliente estava sendo atendido por um corretor em questão e na volta continua sendo vendido por outro, assim ocorre a divisão e essa palavra faz alusão ao número 50 de 50%, ou seja, metade.
Os corretores de imóveis também utilizam bastante um termo conhecido como “Lead” que surgiu graças a internet e a busca de clientes por imóveis na web, são departamentos responsáveis pelo atendimento pela internet das imobiliárias.
As gírias entre os corretores de imóveis
Os corretores de imóveis também têm suas próprias gírias, algo usado geralmente apenas entre eles, como Bulula, que seria aquela pessoa que vai até o imóvel e toma o tempo do corretor sem fazer a compra. Outra gíria bastante usada por eles é “sujar a calça”, parece engraçado, mas significa a primeira venda de um corretor, já que eles são chamados de calça branca quando acabam de chegar ao mercado imobiliário.